Lidando com variáveis no PSPP / Dealing with variables on PSPP

Faaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaala cientista!
Hoje falaremos sobre variáveis no PSPP, esse mago estatístico da liberdade! Vamos lá?

Hey scientist!
Today we’ll talk about variables on PSPP, this statistical wizard of freedom! Let’s do it!

Bom, você instalou o PSPP bonitinho no seu computador e tal… o que? Ainda não? Então siga os passos nesse post aqui primeiro.

Well, you installed PSPP like a charm, so … what? Not yet? Then follow the steps on this post first.

Assim que abrimos o PSSP, ele exibe duas abas: a “Data View” e a “Variable View”. Se você testar, vai ver que não dá pra mexer em nada da “Data View” por enquanto.

When we open PSPP, it shows two tabs: “Data View” and “Variable View”. If you try to put a value on “Data View”, you’ll see that we cannot do that for now.

pspp1_varview

Então vamos clicar na “Variable View”. Veja que existem várias linhas nessa aba. Antes de tudo, note que cada linha representa uma variável com suas propriedades: “Name” (Nome), “Type” (Tipo), “Width” (Comprimento), “Decimals” (Decimais), “Label” (Rótulo), “Values” (Valores), “Missing” (Faltando), “Columns” (Colunas), “Align” (Alinhamento) e “Measure” (Medida). Calma lá brother! Vamos ver para que cada uma serve.

So, let’s click on “Variable View”. There are several lines on this tab. Before anything, notice that each line represents a variable with its properties: “Name”, “Type”, “Width”, “Decimals”, “Label”, “Values”, “Missing”, “Columns”, “Align” and “Measure”. Easy dude! Let’s see what each one of them do.

pspp2_columns

* Primeiro, “Name”. Essa coluna define o nome de cada variável que vai ser estudada. Mas não é pra colocar um nome bonito, querido, do jeito que a gente quer! Por exemplo, o nome da variável não pode conter espaços. É recomendável que esse nome não tenha acentos e só contenha letras minúsculas. Ficou com vontade de colocar uma coisa mais bonita e representativa? Vamos chegar lá, aguarde 😉

* First, “Name”. This column defines the name of each variable that we’ll study. But we can’t put a nice, awesome name, as we want to do! A variable name can’t have spaces, for example. It’s a nice practice we put a name without accentuation symbols and all that stuff. Did you want to put a nice, representative name? Hang on, we’ll do that 😉

Nesse exemplo, complete o nome correspondente à primeira variável com “idade” e dê um Enter.

In this example, complete the name corresponding to the first variable with “idade” (age) and type Enter.

pspp3_filledvar

Opa! Veja que todas as outras colunas foram preenchidas automaticamente! Aqueles são os valores padrão para cada variável. Fique tranquilo, dá pra mudar cada um deles.

Wow! See that every other columns were automatically filled! These are the default values for each variable. Keep calm, we can change each one of them.

* Depois vem a coluna “Type”, o tipo da variável. O valor padrão da nossa variável ali é “Numeric”, que indica que a nossa variável é um número. Clique na caixinha cinza ao lado de “Numeric”, e uma tela com opções para essa variável vai aparecer.

* After that we have the “Type” column, expressing the variable type. The default value of our variable is “Numeric”, which shows that our variable is a number. Click on the gray box on the side of “Numeric”, and a screen with options to that variable will show.

pspp4_numop

As opções são “Numeric”, “Comma” (Vírgula), “Dot” (Ponto), “Scientific notation” (Notação científica), “Date” (Data), “Dollar” (Dólar), “Custom currency” (Moeda personalizada) e “String” (Sequência de caracteres). Ufa! Em “Numeric” temos as opções “Width” (Comprimento) e “Decimal Places” (Casas decimais). Vamos deixar nossa variável como numérica mesmo, afinal de contas idades são números 🙂 Vamos mudar o comprimento de 8 para 3 (não esperamos alguém com mais de 999 anos!), e as casas decimais de 2 para zero; queremos apenas idades inteiras aqui.

The options are “Numeric”, “Comma”, “Dot”, “Scientific notation”, “Date”, “Dollar”, “Custom currency” and “String”. Whew! In “Numeric”, we have the options “Width” and “Decimal Places”. Let’s keep out value as a numerical one, because ages are numbers 🙂 We’ll change its width from 8 to 3 (we don’t expect anyone older than 999!), and the decimal places from 2 to zero; we want only whole ages here.

pspp5_numwdp

* As colunas “Width” e “Decimals” representam o comprimento da variável e a quantidade de números decimais que ela suporta; note que quando alteramos as opções em “Numeric”, essas colunas já mudaram para os valores que escolhemos.

* The columns “Width” and “Decimals” represent the width of the variable and the quantity of decimals numbers that it may have; please note that when we change these options in “Numeric”, these columns have already changed the values to the chosen ones.

* Depois temos a coluna “Label”. Lembra aquele nome lindo que você queria dar pra sua variável? É aqui que podemos colocá-lo! Olha que beleza. Vamos mudar o rótulo da variável para “Idade”, apenas.

* After that we have the column “Label”. Do you remember that pretty name which you’d want to give to your variable? That’s the place to do it! How nice is it huh? Let’s change the variable label to “Idade”.

* A coluna “Values”, por sua vez, permite ao PSPP mudar o valor de uma variável literal para um número. Vamos mostrar isso depois, com outra variável. Para idade deixaremos seu valor em “None” (Nenhum).

* “Values” allows PSPP to change the value of a literal variable to a number. We’ll show it with another variable in a moment.

* “Missing” diz se sua variável suporta valores faltantes (os famosos missing values). Vamos deixá-la em “None” também; isso indica que todo sujeito da minha pesquisa deve ter uma idade definida.

* “Missing” says if your variable supports missing values. Let’s keep it in “None”; this means that every subject of my research should have a defined age.

* “Columns” indica o comprimento que a coluna da variável vai ocupar na aba “Data View”. Aumente esse número pra 15 e corra lá na “Data View”, depois diminua para 4 e repita para ver a diferença.

* “Columns” indicates the width the variable column will occupy on the “Data View” tab. Increase it to 15 and see the results on “Data View”, then decrease it to 4 and repeat to see the difference.

* “Align” indica o alinhamento da variável na lista; se os números aparecerão à direita, ao centro ou à esquerda. Experimente modificar o alinhamento e veja a diferença também.

* “Align” indicates where the variable will align on the list; ie, if the numbers will appear on right, center or left. Try to modify the alignment and see the difference too.

* Por fim, “Measure” indica se as variáveis são:
– Nominais: valores numéricos arbitrários; operações aritméticas e comparações não fazem sentido aqui.
– Ordinais: valores numéricos indicam progressão; operações aritméticas não fazem sentido, mas os dados podem ser comparados (igual, maior, menor, …).
– Escalares: dá pra interpretar as razões e somas dos valores numéricos.
A explicação para os argumentos de “Measure” foi adaptada daqui.

* Finally, “Measure” indicates if the variables are:
– Nominal: numeric data values are arbitrary. Arithmetic operations and numerical comparisons of such data are not meaningful.
– Ordinal: numeric data values indicate progression along a rank order. Arbitrary arithmetic operations such as addition are not meaningful on such data, but inequality comparisons (less, greater, etc.) have straightforward interpretations.
– Scale: ratios, sums, etc. of numeric data values have meaningful interpretations.
I got this explanation here.

Que beleza hein! Agora vamos completar os dados com as variáveis sexo, estadocivil, renda e fumante, como mostrado a seguir:

Awesome! Now we’ll complete the data with the variables sexo (sex), estadocivil (civilstate), renda (salary) and fumante (smoker), as we show below:

pspp6_allvarsPara adicionar referências em “Values”, clique na caixinha cinza à direita. Então, digite o valor, o rótulo daquele valor e clique em “Add”. Assim, aquele valor fará a referência ao rótulo. Veja como deixar “Values” para as variáveis sexo, estadocivil e fumante:

To add references in “Values”, click on the tiny gray box on the right. Then type the value, the label of that value and click on “Add”. Then, that value will make a reference to the label. See how to let “Values” to the variables sexo, estadocivil and fumante:

pspp7_valsexo“Values”: variável sexo. / “Values”: variable sexo.

pspp8_valec“Values”: variável estadocivil. / “Values”: variable estadocivil.

pspp9_valfum“Values”: variável fumante. / “Values”: variable fumante.

Depois disso grave o arquivo. Ele vai ter a extensão “.sav”.
Não quer digitar as variáveis? Facilitamos pra você: baixe o arquivo aqui, no repositório Git do Programando Ciência! Oooooolha que sussa!

After that, save the file. It’ll have the “.sav” extension.
Don’t you want to type the variables? We made it easy for you: download the file here, on Programando Ciência’s Git repo! Awesome, right?

Entendeu como funcionam as variáveis no PSPP? Simples, não é mesmo?
Continuaremos a falar do PSPP em outro post! Aliás, já se inscreveu no nosso sorteio? A inscrição é até dia 30, quinta que vem!
Valeu cientista! Um giga abraço!

Did you understand how to construct variables on PSPP? Easy, right?
We’ll talk more about PSPP in another post!
Thanks scientist! Gigaregards!


Gostou? Curta e compartilhe com seus amigos!
Curta a gente também no Facebook: www.facebook.com/programandociencia
Estou no Twitter! Siga-me se puder! @alexdesiqueira

Like this? Please comment and share with your friends!
Like us also on Facebook: www.facebook.com/programandociencia
I’m on Twitter! Follow me if you can! @alexdesiqueira

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s